22/07/2015 às 11h41min - Atualizada em 22/07/2015 às 11h41min

Com investimento de R$150 mil, famílias de Piranhas receberão benefícios do Cheque Reforma em agosto

Jotta Oliveira - Piranhas
Tribuna Piranhense

A Prefeitura de Piranhas marcou para o dia 28 de agosto, a entrega de benefícios do programa Cheque Reforma, do Governo de Goiás. 50 famílias serão beneficiadas com até R$ 3 mil, para serem utilizados na compra de material de construção para a execução de reformas e ampliações de moradias.

O programa só foi possível em Piranhas, após o prefeito André Ariza (PP) se reunir com o presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Luiz Antônio Stival Milhomens, em Goiânia, onde foi assinada a autorização para o cadastramento das famílias.

Segundo André Ariza, o investimento do Cheque Reforma em Piranhas será de R$ 150 mil. “Nesta primeira etapa serão 50 Cheques Reforma que ajudarão famílias de baixa renda a realizar o sonho de melhorar as condições de suas moradias. Com o valor repassado pelo Governo de Goiás, através da Agehab, o cidadão pode construir um quarto a mais na casa, aumentar a sala de estar, dar um jeito no telhado, enfim, pode dar mais conforto pra a sua família”, ressalta André. 

Regras

Para se enquadrar no programa Cheque Reforma - que deverá beneficiar mais 100 famílias no segundo semestre de 2015, o interessado não pode ter renda familiar mensal bruta superior a três salários mínimos e não pode possuir nenhum outro imóvel em seu nome. As regras do programa também exigem que o cidadão precisa estar morando na casa que será reformada com o benefício recebido.

O interessado em se inscrever precisa ter mais de 18 anos, morar com mais uma pessoa no imóvel, não poderá ter sido beneficiado em outros programas habitacionais e deve comprovar que reside no município há, no mínimo, três anos.

Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp