05/11/2015 às 10h46min - Atualizada em 05/11/2015 às 10h46min

Governo de Goiás anuncia criação de duas universidades federais em Jataí e Catalão

Campi da instituição em Jataí e Catalão devem se tornar autônomos. Instalação ainda não tem data e precisa ser aprovada no Congresso.

Do G1 Goiás
Goiás terá mais duas universidades federais (Foto: Reprodução/TV Anhaguera)

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), anunciou a criação de mais duas universidades federais, uma em Jataí, na região sudoeste, e outra em Catalão, no sudeste do estado. O comunicado foi feito na quarta-feira (4), após uma reunião com a presidente Dilma Rousseff (PT), que autorizou a formação das instituições. Ainda não há previsão de quando elas começarão a funcionar.

A criação das novas universidades ainda depende de votação e aprovação no Congresso. O governo acredita que isso seja feito até o fim deste ano. Atualmente, as duas cidades já têm campi da Universidade Federal de Goiás (UFG). Com a criação das novas instituições, as unidades que respondem à UFG passarão a ser autônomas, cada uma com seu próprio reitor.

“Essa discussão se iniciou há alguns meses atrás, mais especificamente há um mês, quando anunciamos a doação de um terreno de 400 hectares para a Universidade Federal de Goiás. A partir daí, decidimos começar o projeto e enviamos à presidente e ao Ministério da Educação e eles aprovaram”, disse Marconi Perillo.

A UFG informou que os campi nas cidades de Jataí, onde será instalada a Universidade Federal do Sudoeste, e em Catalão, local da criação da Universidade Federal do Sudeste, têm cada uma mais de 20 cursos de graduação, onde estudam cerca de 3 mil alunos.

“Goiás era um dos poucos estados que tinha apenas uma universidade federal. Esse anúncio torna essa data histórica”, disse o reitor da UFG, Orlando Afonso.

 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento Tribuna Piranhense
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp