13/11/2015 às 11h45min - Atualizada em 13/11/2015 às 11h45min

Governo pode voltar atrás sobre mudanças no calendário de pagamento do IPVA em Goiás

Novo calendário do IPVA segue indefinido.

Com informações de O Popular
(Foto: Reprodução)

O governador Marconi Perillo (PSDB) pediu aos titulares do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), João Furtado de Mendonça Neto, e da Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz), Ana Carla Abrão Costa, que façam novas propostas sobre a mudança do calendário para o pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2016. A informação foi passada pela assessoria de imprensa do governador, que não antecipou uma data para a decisão, o que deve ocorrer somente na semana que vem.

Há uma semana Marconi Perillo admitiu publicamente que conversaria com a secretária Ana Carla Abrão Costa sobre o calendário antecipado para o pagamento do IPVA de 2016. Na ocasião, o governador afirmou que não foi consultado a respeito da medida por ser uma questão “técnica”. O novo calendário, já divulgado, prevê o pagamento do imposto nos meses de março, abril e maio, a depender do final da placa. A justificativa da Sefaz para a mudança é a necessidade de conter os efeitos da crise econômica. A previsão é de que serão arrecadados ainda no primeiro semestre R$ 1,1 bilhão de IPVA.

Na quarta-feira (11/11), durante entrevista à imprensa no Fórum de Governadores do Centro-Oeste, em Brasília, o presidente da Assembléia Legislativa de Goiás, Hélio de Souza (DEM), afirmou que o calendário antecipado do IPVA para o próximo ano não será mantido. O deputado informou que recebeu a garantia do próprio governador Marconi Perillo ao ser procurado pela bancada governista, que expôs a contrariedade e a indignação da opinião pública em torno da mudança.

 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp