15/12/2015 às 19h20min - Atualizada em 15/12/2015 às 19h20min

Três são presos por furto e receptação de gado em Piranhas

Dois dos presos furtaram uma bezerra e irão levar até a propriedade de um receptador. Polícia frustrou o crime.

Jotta Oliveira - em Piranhas
Tribuna Piranhense
Bezerra foi furtada de fazenda e transportada em carroceria de veículo em Piranhas (Foto: Jotta Oliveira/Tribuna Piranhense)

A Polícia Civil prendeu três pessoas em flagrante, acusadas de furto e receptação de gado em Piranhas, na região oeste de Goiás. As prisões aconteceram durante a tarde desta terça-feira (15/12) em duas propriedades rurais.

Segundo o policial civil Maurício Gomes, uma denúncia foi recebida por volta das 3h da tarde desta terça-feira, dando conta de que uma novilha havia sido furtada de uma fazenda que fica às margens da BR-158, entre Piranhas e Caiapônia.

“Ao receber a informação do furto, seguimos pela BR-158, com a intensão de localizar os criminosos. Após dirigir por alguns quilômetros, um veículo Saveiro, de cor verde, com placas KDK-5288, de Rio Verde, foi visualizado por nossa equipe e, dentro dele, estavam os suspeitos: Elson Correa Guimarães, de 37 anos, (passageiro) e Ednomar Ferreira Fernandes, de 38 anos (motorista)”, explica Maurício.

Ainda de acordo com a polícia, a bezerra estava dentro da carroceria da Saveiro. Sem alarde, os agentes da Polícia Civil fizeram o acompanhamento do veículo até chegar a uma chácara que, supostamente, seria de propriedade de Neuto Tiradentes Pacheco Franco, de 58 anos.

“Ao chegar em uma chácara que fica próximo ao Auto Posto Caminhoneiro, que, segundo consta, pertence ao senhor Neuto Tiradentes, Elson Correa saiu do carro e, com a chave da propriedade, abriu a porteira e entrou juntamente com Ednomar Ferreira. Fizemos a abordagem e demos voz de prisão no momento em que o animal iria ser desembarcado”, conta o policial Maurício Gomes

Neuto Tiradentes Pacheco Franco não estava na propriedade rural no momento da ação da polícia, que precisou contar com o relato do motorista da Saveiro para chegar até ele. Ednomar confirmou que o animal seria levado para a chácara de Neuto.

A Polícia Civil investiga casos de furtos de gado há vários meses, não só em Piranhas, mas também nas regiões rurais de Arenópolis, Bom Jardim de Goiás, Caiapônia e Doverlândia. Isso fez com que várias vítimas comparecessem à delegacia no momento das prisões. Cabe agora, durante o inquérito, averiguar se há alguma ligação do trio em outros crimes da mesma espécie.

Elson Correa Guimarães e Ednomar Ferreira Fernandes irão responder por furto. Já Neuto Tiradentes Pacheco Franco - que foi preso por volta das 16h em outra propriedade rural, localizada às margens da GO-188, entre Piranhas e Doverlândia -, será enquadrado no crime de receptação.

Os três homens foram ouvidos na Delegacia de Polícia Civil, pagaram fiança no valor de dois salários mínimos cada e foram liberados.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp