12/02/2016 às 16h26min - Atualizada em 12/02/2016 às 16h26min

Comerciante recebe multa por pilotar moto sem cinto de segurança

Ele diz que só anda de carro e não passa pelo local da multa há 10 anos. Agetop explica que erro deve ter ocorrido no momento de cadastrar infração.

Do G1 Goiás
Comerciante recebe multa por pilotar moto sem cinto de segurança (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

O comerciante Jorge Antônio Catenaci Cunha recebeu uma multa por pilotar uma motocicleta sem usar o cinto de segurança em Itaberaí, no centro de Goiás. Segundo o motorista, ele não anda de moto e também não passou pelo município no interior do estado, o que torna a infração ainda mais confusa.

Na multa, consta que a infração aconteceu no dia 18 de dezembro do ano passado, no Km 93 da GO-070. “Eu achei uma coisa tão hilária que eu achei que era mentira, que não existia”, disse.

Jorge conta ainda que não possui moto e não conhece a placa e o veículo que constam na multa. Morando em Aparecida de Goiânia e trabalhando na capital, o comerciante alega que não vai a Itaberaí há mais de 10 anos.

“Se caso amanhã eu receber uma outra infração, qual certeza que eu vou ter que eu realmente cometi aquilo? Porque nesse caso, de uma infração que não existe, tudo que chegar, eu vou ter que contestar”, reclama o comerciante.

A Agência Goiana de Tranportes e Obras (Agetop), responsável pelas rodovias estaduais, informou que na segunda via da multa consta que a infração foi cometida por um carro, e não por uma moto.

O órgão explicou que o erro deve ter acontecido no momento de cadastrar a multa. A partir de agora, o motorista precisará protocolar um processo para correção do erro.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp