16/02/2016 às 14h40min - Atualizada em 16/02/2016 às 14h40min

Mais de 2 mil eleitores ainda não fizeram o cadastro biométrico em Piranhas

Prazo termina em 26 de fevereiro.

Jotta Oliveira - em Piranhas
Tribuna Piranhense
(Foto: Arquivo/Tribuna Piranhense)

2.701 pessoas ainda não realizaram o recadastramento biométrico em Piranhas, na região oeste de Goiás. O número representa 30,53% do eleitorado do município. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (16/02), pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO), através do Cartório da 102ª Zona Eleitoral. A situação é preocupante porque este ano haverá eleição municipal e os eleitores precisarão da biometria para votar. O prazo se encerra em 26 de fevereiro e, dos 8.969 cadastrados, 6.268 já realizaram o procedimento (69,47%).

Saiba mais:

Recadastramento biométrico sofre atrasos em Piranhas após falhas no sistema do TRE

Para atender toda a demanda restante, o Cartório Eleitoral teve os dias de atendimento estendido e passou a funcionar aos sábados, das 08h às 14h. Segundo o TRE-GO, a medida visa acelerar os trabalhos, já que o prazo está terminando.

De segunda a sexta-feira, o funcionamento do Cartório Eleitoral é das 12h às 18h, no prédio do Fórum da cidade de Piranhas, na Av. Lazaro Teodoro, n° 849, no Setor Palmares.

O TER-GO esclarece que o recadastramento biométrico serve para garantir a segurança e identidade do voto. O órgão destaca que a biometria também alimenta um sistema que pode servir, por exemplo, como uma forma de combate à criminalidade, pois integra um banco de dados de impressões digitais.

O recadastramento é obrigatório para todos os eleitores, até mesmo para aqueles que não têm mais obrigatoriedade de votar por causa da idade.

Quem não fizer o procedimento pode enfrentar várias dificuldades, como não conseguir tirar um passaporte, não poder tomar posse em cargo público, não obter empréstimo em qualquer estabelecimento de crédito, não renovar a matrícula em escolas e universidades oficiais e nem requerer a aposentadoria ou receber benefícios do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp