23/02/2016 às 11h38min - Atualizada em 23/02/2016 às 11h38min

TRE prorroga data do cadastramento biométrico em Piranhas e Arenópolis

Os dois municípios ainda não atingiram o índice necessário de eleitores com digitais registradas. Novo prazo vai até o dia 11 de março.

Jotta Oliveira - em Piranhas
Tribuna Piranhense
(Foto: Reprodução)

Após o pedido do juiz eleitoral Wander Soares Fonseca, o Tribunal Regional Eleitoral de Goiás prorrogou o prazo para o cadastramento biométrico na 102ª Zona Eleitoral, que abrange as cidades de Piranhas e Arenópolis. A iniciativa ocorre após ser verificado que os municípios não atingiram o índice necessário de eleitores com as digitais registradas no sistema. O novo prazo é até o dia 11 de março.

O cadastramento biométrico é um procedimento obrigatório. Quem não o fizer, terá o título de eleitor cancelado. Sem o documento, a pessoa fica impedida de arrumar emprego, fazer concurso público, matrículas em universidades e até emissão de passaporte.

Os eleitores de Piranhas e Arenópolis que ainda não fizeram o registro devem procurar o cartório da 102 Zona Eleitoral, de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h e aos sábados, das 08h às 14h, no prédio do Fórum da cidade de Piranhas, na Av. Lazaro Teodoro, n° 849, no Setor Palmares.

No momento do cadastramento biométrico, deve ser apresentado um documento oficial com foto, comprovante de domicílio e, caso já tenha, o título de eleitor. No local, o eleitor será fotografado, terá uma amostra da assinatura colhida e suas impressões digitais capturadas eletronicamente.

 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp