01/04/2016 às 09h02min - Atualizada em 01/04/2016 às 09h02min

Inscrições ao Bolsa Universitária abrem nesta sexta-feira (1º)

Do Goiás Agora

O Programa Bolsa Universitária (PBU), desenvolvido pelo Governo de Goiás por meio da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), abre inscrições a partir desta sexta-feira, dia 1º de abril, para o processo seletivo 2016/1. Serão oferecidas três mil bolsas, sendo 2,5 mil parciais e 500 integrais. As inscrições seguem abertas até o dia 10, e poderão ser feitas apenas pela internet, no endereço: www.ovg.org.br.

Após acessar o site, o interessado deve clicar no Portal Bolsa Universitária, e em seguida no link inscrições. Neste mesmo local ele deverá preencher o formulário e enviar. Logo abaixo do link Inscrições, o aluno poderá ter acesso ao link do edital. Lá ele terá acesso a todas as informações necessárias para efetuar a inscrição.

Podem concorrer ao benefício estudantes matriculados em instituições de ensino superior privadas, situadas em todo o Estado de Goiás e credenciadas junto à OVG. O critério socioeconômico é sempre o principal parâmetro de avaliação para a seleção dos beneficiados. Estão aptos a concorrer à bolsa estudantes que comprovem renda familiar de até seis salários mínimos, para concorrer à bolsa parcial; e de até três salários mínimos, para concorrer à bolsa integral.

Entrevista
No dia 14 de abril, às 18 horas, será divulgada a convocação para a entrevista com a respectiva data no site da OVG. As entrevistas terão início no dia 18 de abril na capital, e no dia 25 de abril no interior do Estado.

Durante a entrevista, os estudantes convocados deverão apresentar toda a documentação exigida, e especificada no edital. O aluno deverá ter em mãos o formulário de inscrição impresso, foto 3×4, cópias e originais dos documentos pessoais e apenas cópia dos documentos do grupo familiar. É importante checar no edital a relação de todos os documentos. O não comparecimento do candidato resultará na desclassificação automática do processo seletivo.

O PBU foi criado pelo Governo de Goiás em 1999 e, desde então, mais de 163 mil estudantes menos favorecidos social e economicamente foram beneficiados em todo o Estado.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp