06/04/2016 às 09h30min - Atualizada em 06/04/2016 às 09h30min

Procon notifica empresas por abuso na venda de vacina contra H1N1

(Foto: Reprodução)

Em virtude  de denúncias feitas por consumidores sobre o elevado preço da vacina contra a gripe H1N1 recebidas por meio do disque-denúncia 151 e do Procon Web, a fiscalização do  Procon Goiás  verificou as seguintes clínicas e laboratórios que comercializam o produto: Clidipi, Climipi, Padrão, Ymuni, Atalaia e Unimed.

Todas as empresas fiscalizadas foram notificadas com base no artigo 39 do Código de Defesa do Consumidor por prática abusiva na elevação do preço, e terão um prazo de 10 dias para apresentar defesa. Também foi requisitada a apresentação das últimas cinco notas fiscais de compra  das  vacinas, comparadas para os meses onde ocorrem a maior demanda (março e abril) relativas ao ano de 2015, bem como o valor de venda ao consumidor no mesmo período. As empresas que não justificarem o aumento dos preços praticados serão multadas.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp