27/04/2016 às 09h21min - Atualizada em 27/04/2016 às 09h21min

MP-GO apura possíveis irregularidades na manutenção de blog político

Jotta Oliveira
Tribuna Piranhense
Cristiano Livramento da Silva foi ouvido pelo MP no dia 25 de abril (Foto: João Sérgio)

A promotora de Justiça Villis Marra Gomes colheu o depoimento do jornalista Cristiano Livramento da Silva, indicado como um dos responsáveis pelo blog político Goiás 24 Horas. Os esclarecimentos, prestados na última segunda-feira (25/04), vão instruir inquérito civil público instaurado com o objetivo de apurar possíveis irregularidades na manutenção do blog, como o uso de recursos públicos para o custeio do canal de informação.

Representação encaminhada ao MP-GO e que deu origem à apuração aponta que servidores lotados em órgãos públicos estaduais seriam também colaboradores do blog, sendo que estes não cumpririam a carga horária devida nos locais onde seriam lotados, tendo, inclusive, a conivência de seus superiores. Além disso, o inquérito busca apurar possíveis irregularidades na veiculação de notícias com cunho eminentemente difamatório, calunioso e injurioso contra as pessoas que porventura possam emitir opiniões contrárias a órgãos ou secretarias do governo estadual, ou seja, que estariam praticando crimes com a utilização de dinheiro público. Constam nos autos documentos que apontam o repasse pelo governo de Goiás ao blog, no ano de 2015, no valor de R$ 139.498,95.

No depoimento, Cristiano admitiu que o blog recebe patrocínio do governo estadual, mas credita isso ao fato de o canal de informação ter uma média de 70 mil acessos diários. Ele acrescentou ainda que possui outros patrocinadores e não tem qualquer vínculo com o governo do Estado desde 2013. Por fim, afirmou que trabalha com isenção e confia na imprensa livre e responsável.

 

Com informações da Assessoria de Comunicação Social do MP-GO


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp