14/06/2016 às 00h00min - Atualizada em 14/06/2016 às 00h00min

Motorista flagra cavalo sendo levado sem proteção em caminhonete, entre Piranhas e Arenópolis

Do G1 Goiás
Cavalo é transportado em carroceria de caminhonete, em Goiás (Foto: Reprodução/ TV Anhanguera)

Um motorista foi flagrado ao levar um cavalo na carroceria da caminhonete, na GO-060, entre Piranhas e Arenópolis, na região oeste de Goiás. O animal era transportado sem a devida proteção, pois apenas uma corda amarrava o equino ao veículo.

Como esse motorista, vários outros são filmados ao levar carga de forma ilegal em cidades goianas. Um vídeo mostra um carro sendo transportado sobre pneus na carroceria de uma caminhonete.

Passageiros também colaboram para isso. O garupa de um mototaxista, por exemplo, foi flagrado ao segurar sobre a cabeça uma placa de propaganda.

Em outro caso, um motorista transportou um carro em cima de uma carretinha em uma pista lateral à BR-060, em Rio Verde, no sudoeste de Goiás. Imagens mostram que um homem ainda se arriscava na parte traseira da estrutura para segurar o veículo.

Conforme o Código de Trânsito Brasileiro, é proibido transportar pessoa do lado externo do compartimento de carga, transportar carga excedente ao comportado pelo veículo e expor a vida de outros em risco.

O perito em trânsito Anternor Pinheiro analisou por 20 minutos os veículos que passavam na BR-153, na capital. Nesse tempo, ele apontou 11 veículos transportando cargas de forma irregular.

“A cada 1 minuto e meio você flagra um veiculo em condições irregulares, transportando cargas. Não é uma coisa rara. Isso é um problema grave de circulação que deve necessariamente merecer uma fiscalização rigorosa”, opinou.

De acordo com o perito, o excesso de carga traz risco tanto para os ocupantes do veículo irregular quanto para as demais pessoas que transitam pela mesma via. “Isso altera a aerodinâmica do veiculo, o que faz com que a estabilidade do veiculo fique comprometida”, concluiu.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp