10/12/2017 às 17h17min - Atualizada em 10/12/2017 às 17h17min

Policiais militares distribuem cestas básicas e roupas para famílias carentes em Arenópolis e Piranhas

Militares do 2º Pelotão da Polícia Militar, sediado em Piranhas, doaram alimentos e roupas para famílias em situação de vulnerabilidade social.

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Juliana Oliveira
Famílias carentes de Arenópolis e Piranhas receberam alimentos e roupas (Foto: Arquivo Pessoal/Cabo Adão Alves)

Os patrulhamentos do 2º Pelotão da Polícia Militar (PM) não têm resultado comente em prisões de infratores da lei, em recuperação de veículos furtados ou em apreensão de armas e drogas. Além de oferecer segurança aos cidadãos de Piranhas e Arenópolis, o destacamento também promove a solidariedade. Prova disso, foi uma ação realizada no último sábado (9/12), onde um grupo de policiais angariou alimentos e fez doações de cestas básicas para três famílias em situação de vulnerabilidade social.

A ação solidária foi uma iniciativa do cabo Adão Alves, que contou com a apoio dos sargentos Claudimar e Martins. Duas famílias de Arenópolis e uma de Piranhas receberam leite, arroz, feijão, macarrão, óleo de soja, bolachas e outros itens básicos que, pela situação de pobreza das casas visitadas pelos militares, se tornam de difícil aquisição. Várias peças de roupas também foram entregues para os adultos e as crianças dos lares carentes.

Adão Alves disse que, durante as rondas de rotina e em conversas com a comunidade, se sensibilizou com a notícia de que pessoas estariam sem condições de adquirir alimentos e vestimentas. “Através dos comerciantes de Piranhas e de outras pessoas amigas que nos ajudaram, pudemos fazer o final de ano dessas famílias um pouco mais feliz. Me senti grato à Deus por poder ajudar de alguma forma. Todas as famílias ficaram felizes com essas doações e em poder ter um Natal com comida na mesa”, disse o cabo Alves.

Veja mais imagens na galeria abaixo


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp