22/05/2018 às 12h43min - Atualizada em 22/05/2018 às 12h43min

Piranhense é assassinada em Rio Verde e polícia diz que ex-companheiro é o principal suspeito do crime

O corpo de Lucélia Pereira de Araújo foi encontrado dentro do porta-malas de um carro no Bairro Canaã, em Rio Verde. A Polícia Civil informou que a mulher foi morta com golpes de faca.

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Jotta Oliveira
(Foto: Reprodução/Rede Social)
Lucélia Pereira de Araújo, de 43 anos, natural do município de Piranhas, foi encontrada morta por policiais do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) da Polícia Civil durante a tarde de segunda-feira (21/05), no Bairro Canaã, em Rio Verde. De acordo com informações do delegado responsável pelo caso, Welington Lemos, a mulher foi assassinada a golpes de faca e seu corpo foi embalado com plástico e colocado dentro do porta-malas de um veículo que estava estacionado na residência do possível autor do crime.

Conforme informações preliminares colhidas pela Polícia Civil, o suspeito de ter assassinado Lucélia seria seu ex-companheiro e tinha a intensão de retirar o corpo da casa e levar para outro local, porém, por um motivo ainda não revelado, o criminoso, que ainda não teve a identidade divulgada, fugiu sem ocultar o cadáver.

O GIH, com apoio da Polícia Militar (PM), faz buscas pelo autor do assassinato, mas, até o momento, não obteve sucesso.

O corpo de Lucélia Pereira de Araújo deve ser entregue à família por volta das 13h desta terça-feira (22/05). O velório será realizado no Memorial da Pax Silva JR e o sepultamento ocorre no Cemitério São Miguel, ambos em Piranhas.

Mais informações em breve
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento Tribuna Piranhense
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp