30/10/2018 às 17h18min - Atualizada em 30/10/2018 às 17h18min

Rádio Satélite FM volta a operar com potência máxima após problemas técnicos em transmissor

Emissora sediada no município de Piranhas informou que uma oscilação no fornecimento de energia elétrica causou danos no equipamento responsável por transmitir a sua programação

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Jotta Oliveira

A direção da Rádio Satélite FM informou, na tarde desta terça-feira (30/10), que o problema técnico que afetou a potência de seu transmissor já foi solucionado e que sua capacidade de alcance do sinal da emissora está reestabelecida. Uma queda de energia havia provocado os danos no equipamento, conforme informações divulgadas pelo Tribuna Piranhense na manhã de hoje.

De acordo com a Associação de Ecologia e Meio Ambiente de Piranhas (Grupo EMA) – entidade mantenedora da Satélite FM, sediada no município de Piranhas –, milhares de ouvintes, que habitualmente acompanham sua programação, ficaram sem receber o sinal sonoro da rádio comunitária.

A Rádio Satélite FM opera com uma potência de 25 watts – máxima estabelecida pela Lei que rege o serviço de rádios comunitárias no Brasil (9.612, de 1998) –, porém, devido a falha técnica no transmissor, ela chegou a cair para menos de 1 watt.

Além de Piranhas, a Rádio Satélite FM alcança ouvintes do município de Arenópolis e também de várias regiões rurais de Bom Jardim de Goiás e Caiapônia.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »