29/11/2018 às 18h55min - Atualizada em 29/11/2018 às 18h55min

Reforma administrativa irá reduzir número de secretarias e de cargos comissionados em Piranhas, diz prefeito

Medida deve diminuir de 7 para 4 o número de secretarias na Prefeitura. Projeto que será enviado para a análise do Legislativo ainda prevê a extinção de 38% dos cargos em comissão

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Jotta Oliveira
(Foto: Divulgação/DCPP)
O prefeito de Piranhas, Eric Silveira (Progressistas), anunciou que enviará um projeto de reforma administrativa para o Legislativo, reduzindo o número de secretarias municipais. O texto, que também determinará a diminuição de cargos comissionados, deverá ser enviado para a Câmara Municipal nos próximos dias e a expectativa é que ele deve começar a ser discutido ainda este ano.
 
Eric usou suas contas nas redes sociais para comunicar a medida. Em um texto publicado no Facebook na quarta-feira (28/11), intitulado “Austeridade - Corte de Gastos”, o prefeito informou que o atual organograma administrativo da Prefeitura de Piranhas é composto de 49 cargos comissionados distribuídos em 7 secretarias. Caso seja aprovado pelos vereadores, o novo modelo proposto pelo Executivo contará com apenas 4 secretarias e, no máximo, 30 cargos de provimento em comissão, representando um corte de 38,77%.
 
Conforme apurou o Tribuna Piranhense, serão mantidas as secretarias de Saúde, Educação e Desenvolvimento Social, enquanto Fazenda, Administração e Desenvolvimento Econômico deverão ser incorporadas em uma pasta que será criada.
 
Somente com a eliminação das despesas com pagamentos de 3 secretários municipais – deixando de fora encargos como férias e 13º –, a Prefeitura de Piranhas deixará de gastar cerca de R$180 mil por ano, já que cada um recebe vencimentos de pouco mais de R$ 5 mil por mês. O calculo da economia gerada com a extinção de cargos comissionados ainda não é possível, pois o prefeito Eric Silveira ainda não informou quais serão eliminados.
 
“Desde o início desta gestão, os índices de gastos públicos vem sendo reduzidos para que haja equilíbrio fiscal e que tenha poder de investimento. Outras medidas drásticas serão tomadas, desde redução em contratos, seletivos, credenciamentos, cessão de servidores, como também melhor utilização dos bens e serviços públicos sem perder a qualidade”, afirmou Eric.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp