27/03/2019 às 15h42min - Atualizada em 27/03/2019 às 15h42min

Oscilação no fornecimento de energia em Piranhas volta a queimar transmissor e Rádio Satélite FM fica fora dor ar

Direção da emissora diz que técnicos já trabalham nos reparos para que sua programação volte ao ar o mais rápido possível

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Jotta Oliveira
(Foto: Arquivo/Tribuna Piranhense)

A direção da Rádio Satélite FM, sediada no município de Piranhas, informou, na tarde desta quarta-feira (27/03), que uma queda de energia provocou danos em seu transmissor, que fizeram com que a emissora ficasse fora do ar. A interrupção no fornecimento de eletricidade ocorreu por volta das 13h45 e durou cerca de 20 minutos.

Mesmo com o nobreak que mantém a rádio funcionando em casos deste tipo, todos os equipamentos desligaram, incluindo o transmissor, que acabou sofrendo um curto em seu sistema elétrico.

A Rádio Satélite FM informou ainda que uma equipe técnica já trabalha para solucionar o problema e que voltará ao ar o mais rápido possível.

Além de Piranhas, a Rádio Satélite FM, que é uma emissora comunitária mantida pela Associação de Ecologia e Meio Ambiente de Piranhas, alcança ouvintes do município de Arenópolis e também de várias regiões rurais de Bom Jardim de Goiás e Caiapônia.

Fornecimento de energia deficitário

As interrupções no fornecimento de energia elétrica em Piranhas são frequentes. A responsável pelo serviço é a Enel Goiás, que, recentemente foi considera pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) a empresa do setor com pior desempenho do país pela segunda vez consecutiva, ficando com o 30º lugar no ranking nacional.

No ano passado, os consumidores ficaram, em média, 26,61 horas sem energia em Goiás.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp