26/09/2020 às 23h17min - Atualizada em 26/09/2020 às 23h17min

Com 4 candidatos a prefeito e 75 a vereador em Piranhas, campanha eleitoral começa neste domingo (27)

Prazo para registro de candidaturas terminou neste sábado (26). Candidatos já podem pedir votos nas ruas e na internet

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Jotta Oliveira
Vencido o prazo para o registro de candidaturas junto à Justiça Eleitoral, Progressistas (PP), PSDB, PSL e Solidariedade cadastraram candidatos ao cargo de prefeito de Piranhas nas eleições deste ano. Os partidos tinham até este sábado (26/09) para enviarem os dados para o Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), incluindo os dos candidatos a vice-prefeito e vereador.
 
Os candidatos a prefeito

Progressistas (PP)


 
Eric Silveira, atual prefeito de Piranhas, irá buscar a reeleição na Coligação União e Progresso, que ainda tem o Democratas (DEM) e o Republicanos na composição. O vice da chapa é João Eduardo Ferreira de Moraes, popularmente conhecido como Joãozinho do Nenzico (DEM).
 
PSDB



O candidato do PSDB é o empresário e produtor rural Américo Barbosa que, em ‘chapa pura’, tem como candidato a vice o também empresário Paulo Pereira Souto, o Paulinho da Sanfona.
 
PSL



O PSL é outra sigla que optou por ‘chapa pura’ nas eleições de 2020 em Piranhas. A agremiação tem o professor Fábio Lasserre na disputa da chefia do Executivo Piranhense e o produtor agropecuário Edwander Keylo Ramos Leite na candidatura a vice.
 
Solidariedade


Marco Rogério Candido Leite foi escolhido pelo Solidariedade para o pleito pela Prefeitura de Piranhas deste ano. Em uma coligação com o MDB denominada Juntos por Piranhas, o candidato a vice prefeito é Nilsimar Gomes
 
Candidatos a vereador

De acordo com informações da base de dados do Tribuna Superior Eleitoral (TSE), 75 nomes foram registrados como candidatos a vereador em Piranhas. Destes, 48 são homens (64% das candidaturas) e 27 são mulheres (36% das candidaturas). A legislação eleitoral vigente determina que 30% das vagas para candidatos de cada partido devem ser femininas.
 
DEM

Afonso Faustino Vilela (Afonso Do Alcântara)
Clésio Borges da Silva Campos (Clésim Do Gás)
Claudiimir Apolinario dos Santos (Coró Do Rancho)
Gilmar Pereira de Sousa (Gilmar Cantor)
Gilmar de Sousa (Gilmar da Padaria)
Joseane Maria de Jesus Sousa do Nascimento
Josias Felix De Amaro
Lanna Aparecida de Oliveira
Magalhães Reis Silva (Magalhães da Ambulância)
Edson Salvador Moreira Leite (Nego)
Dinadarc Moraes dos Santos (Professora Dina)
Sebastiana Peres de Sousa (Tiana Peres)
Sebastião Batista De Oliveira (Tiãozão 2000)
 
MDB

Antonio Carlos dos Santos         
João Paulo de Sousa Morais (Dr. João Paulo)
Francisco Rodrigues Coelho
Maria Lucia Felício Rodrigues    
Nilson Gomes de Sousa (Nilsin do Ônibus)
Maria Alves Vieira (Professora Maria Alves)
Ronaldo Martins da Silva (Ronaldo Marques)
Ozeias Santiago Rios de Lima (Santiago do Pregão)
Solange Duarte Rodrigues
Valdivino José Soares (Rei das Flores)
 
Progressistas (PP)

 Abelardia Silva Gonçalves
Claudinei Oliveira Dos Santos
Neusa Aparecida Porto Ferreira (Dona Neusa)
Fernando Lizardo
Silas Messias Do Nascimento (Irmão Silas)
Jesuina Aparecida Da Silva Carlos
João Barros
Larissa Portilho Costa
Uerlei Da Silva Neves (Lei)
Wesley Faustino
 
PSDB

 Claudete Aparecida de Souza
Genessi Alves da Costa
Jaires Francisco Leite (Jair do Táxi)
Jessica Caroline De Alcântara Coutrim
João de Castro Dourado (João Dourado)
Manoel Figueiredo Neto (Nelão)
Ney Torres Barbosa
Robson Ferreira Cardoso
Stacy Ann da Costa
Zanildo Vieira da Silva (Zenildo)
 
PSL

 Adriely Cristina Ribeiro Santos
Cristina Arlei Pereira De Jesus
Divany Alves De Freitas
Joan Carlos Pereira Silva
Kairo José Ferreira Nunes (Kairão)
Maiara Alves Melo
Ronan De Sousa Vieira
Jadir Magalhaes de Araújo (Sub Tenente Jadir)
Wenderson Oliveira Vilela
Carlos Henrique Rodrigues da Costa (Zé do Brejo)
 
Republicanos
 
Cleuber Vilela Leite (Cardoso)
Clezia Morais do Nascimento
Daniel Oliveira Campos (Daniel da Mobilar)
Fabio Portilho de Sousa
Luis Gaguino Ribeiro
Margarett Rosa dos Santos Freitas França
Nilzo Ferreira Lopes (Sula)
Nizar Mohamad Mahumud
Paulo Moreira Magalhães (Paulo Magalhães)
Valdirene Morais Cardoso
 
Solidariedade
 
Cilmar Teodoro Torres (Cilmazinho)
Cleomar Vieira dos Santos (Cleomar Contador)
Lucidaviany Alves de Sousa (Daviane Do Bronze)
Delice Brasil Coelho (Delice Brasil)
Valdivino Portilho Leite (Divo)
Gabisleia Alves dos Santos (Bileia)
Gerlan Candido Moraes (Gerlan Enfermeiro)
Idelio Alves de Souza
Jhonantan Apolinario Ferreira (B2)
Fernanda Lopes Silva (Nanda Lopes)
Norma Oliveira Araujo
Suelter Helriguel Ferreira (Suelter do Orlando)

Campanha

A partir deste domingo (27/09), passa a estar autorizada a propaganda eleitoral nas ruas e na internet.

A campanha eleitoral na televisão e no rádio começa no dia 9 de outubro e vai até 12 de novembro. Como Piranhas tem uma rádio operando de forma legal – a Rádio Comunitária Satélite FM – os candidatos terão espaço para apresentar as suas propostas através da propaganda eleitoral gratuita.

A partir deste sábado (26/09), a Justiça Eleitoral deve convocar os partidos políticos e a representação da Rádio Satélite FM para elaborar, até a antevéspera do início da propaganda eleitoral, plano de mídia para uso da parcela do horário eleitoral gratuito a que tenham direito, garantida a todos a participação nos horários de maior e de menor audiência.


Cronograma das Eleições 2020

Em 2020, o calendário das eleições foi adiado por causa da pandemia do coronavírus e o primeiro turno acontece em 15 de novembro, e o segundo, onde houver, em 29 de novembro, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 26 de setembro: prazo para registro das candidaturas;
 
a partir de 26 de setembro: prazo para que a Justiça Eleitoral convoque partidos e representação das emissoras de rádio e TV para elaborarem plano de mídia;
 
após 26 de setembro: início da propaganda eleitoral, também na internet;
 
27 de outubro: prazo para partidos políticos, coligações e candidatos divulgarem relatório discriminando as transferências do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (Fundo Eleitoral), os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro recebidos, bem como os gastos realizados;
 
15 de novembro: primeiro turno da eleição;
 
29 de novembro: segundo turno da eleição, onde houver;
 
até 15 de dezembro: para o encaminhamento à Justiça Eleitoral do conjunto das prestações de contas de campanha dos candidatos e dos partidos políticos, relativamente ao primeiro turno e, onde houver, ao segundo turno das eleições;
 
até 18 de dezembro: será realizada a diplomação dos candidatos eleitos em todo país, salvo nos casos em que as eleições ainda não tiverem sido realizadas.

 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Atendimento Tribuna Piranhense
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp