26/01/2021 às 15h52min - Atualizada em 26/01/2021 às 15h52min

Novos prefeitos vão conhecer expansão do projeto Cerveja de Mandioca

Evento será nesta quarta-feira (27), às 10h, de forma online. Objetivo é mobilizar municípios para fortalecer ainda mais cadeia produtiva e receber adesão de mais produtores da agricultura familiar

Tribuna Piranhense - Com informações da Comunicação Setorial da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa)
Jotta Oliveira
(Foto: Divulgação)
Prefeitos e secretários municipais ligados ao desenvolvimento agropecuário, bem como profissionais do setor, podem participar nesta quarta-feira (27/01) de uma transmissão online promovida pelo Governo de Goiás sobre a Cerveja de Mandioca.
 
O objetivo da live é apresentar aos municípios o projeto que já está em execução e sua expansão para 2021, de maneira a fortalecer ainda mais a cadeia produtiva da raiz e a agricultura familiar no interior do Estado.
 
A transmissão será realizada no Youtube, no canal da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), e vai informar, também, como mais produtores podem aderir ao projeto e vender sua produção para a fabricação de cerveja, promovendo desenvolvimento econômico e social, sobretudo na agricultura familiar dos municípios goianos. O link para acesso é: https://www.youtube.com/watch?v=vUIYjWFH04k.
 
O projeto Cerveja de Mandioca, atualmente, é desenvolvido por meio da parceria entre o Governo de Goiás e a cervejaria Ambev. Pelo lado do Governo Estadual participam a Seapa, a Secretaria da Retomada, a Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater) e o Gabinete de Políticas Sociais (GPS).
 
Em 2020, quando o projeto começou a ser executado, a cervejaria Ambev adquiriu 300 toneladas de mandioca e lançou uma marca de cerveja regional a partir dessa produção.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp