18/05/2021 às 11h39min - Atualizada em 18/05/2021 às 11h39min

Em Piranhas, fazendeiro é preso acusado de estuprar menino de 7 anos

Crime teria acontecido enquanto a vítima e sua família viviam na propriedade rural do suspeito. Criança precisou passar por atendimento médico

Tribuna Piranhense - em Piranhas
Jotta Oliveira
(Foto: Divulgação)
Na manhã desta terça-feira (18/05), em Piranhas, a Polícia Civil prendeu um fazendeiro acusado de estuprar um menino de 7 anos. Os atos criminosos teriam acontecido nos meses de abril e maio deste ano – período em que a vítima e sua família viviam em uma propriedade rural do idoso de 65 anos.
 
Conforme informações obtidas durante as investigações conduzidas pelo delegado Igor Dalmy Moreira, o suspeito contratou a família da criança para trabalhar em sua fazenda em abril de 2021 e, a partir deste momento, teria passado a atrair o garoto até a sede da propriedade, onde exibia vídeos pornográficos, se masturbava, apalpava o próprio corpo e incentivava a vítima a fazer as mesmas coisas.
 
Ainda de acordo com a Polícia, na noite do último dia 1º de maio, o fazendeiro levou o menino para a cidade de Piranhas e, em uma rua deserta do Setor Morada Nova, o estuprou. No dia seguinte ao suposto crime, o suspeito teria demitido a família da vítima e eles tiveram que desocupar a casa onde moravam.
 
Após as alegadas agressões sexuais, a criança passou dias reclamando de dores na virilha e na região do ânus e precisou receber atendimento médico.
 
Durante a prisão do idoso, a Polícia Civil ainda encontrou uma arma de fogo, uma arma de pressão e diversas munições, todas sem registro. Além disso, foi localizada uma carcaça de um cachorro apodrecendo dentro de uma das casas da fazenda, o que, de acordo com o delegado responsável pelo caso, evidencia que o animal estava trancado e sem acesso a alimentos.


 
O homem foi ouvido na Delegacia da Polícia Civil de Piranhas e, posteriormente, encaminhado para a Unidade Prisional de Caiapônia. Ele responderá, além do estupro, pelos crimes de posse irregular de arma de fogo e maus tratos a animal com resultado morte.
 
O nome do acusado ainda não havia sido divulgado até a publicação desta reportagem.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp