22/11/2014 às 10h06min - Atualizada em 22/11/2014 às 10h06min

Sinal da VIVO em Piranhas. E agora? Quem poderá nos defender?

Jotta Oliveira - Piranhas
Tribuna Piranhense
Usuários enfrentam problemas diariamente em Piranhas (Foto: Reprodução)

A VIVO tem sido alvo de inúmeras reclamações por parte dos moradores da cidade de Piranhas e parece que ninguém está ouvindo. Nem o órgão regulador da telefonia e nem a Justiça. Entre as queixas relatadas destacam-se falhas e ausência de sinal, congestionamento de linhas, que impossibilita a realização de chamadas, quedas de ligações, ruídos e interferências na comunicação e ausência de conexão com internet móvel. E sabe o que diz a empresa? “...A nossa torre de transmissão não suporta a quantidade de celulares em funcionamento no município...”.

Agora eu chamo o Ministério Público do Estado de Goiás e pergunto: Por que permitir que a VIVO continue a comercializar e habilitar novas linhas no município de Piranhas se a própria diz não ter condições de suportar tantos celulares em funcionamento?

E notório que a empresa não se encontra dentro das normas estabelecidas pela Anatel e está em desconformidade com a Lei n° 7.783/89, a qual cita que os serviços de telefonia e internet móvel possuem relevância significativa para a economia e para as relações sociais no cotidiano da população, caracterizando-se, como essenciais.

Quem liga para a apelidada de “MORTO” em Piranhas, houve que só teremos solução do problema quando a tecnologia for mudada para 4G. O interessante é que, até pouco tempo, nem 3G se tinha. Daí você imagine o tempo que vai demorar para que o tal do 4G chegue.

Chamo o MP novamente e pergunto: Não é a hora de estipular um prazo para que a VIVO apresente projeto de ampliação da rede, aprovado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para realmente solucionar os problemas e mostrar, pelo menos, o mínimo de respeito ao cliente? Será que a empresa também não deveria prestar serviço eficiente, adequado e ininterrupto, aos seus clientes do município, dentro dos padrões técnicos estabelecidos pelo órgão normatizador? E multa? Não cabe neste caso?

Ah! E se tem alguém que acha que estou errado em reclamar, pode tentar me ligar. Mas não garanto que irá conseguir fazer a sua reclamação. O meu celular é VIVO.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp