02/01/2015 às 08h35min - Atualizada em 02/01/2015 às 08h35min

Governador reeleito, Marconi Perillo toma posse pela 4ª vez em Goiás

Tucano foi empossado às 11h10 desta quinta-feira (1º), na Assembleia. Em seu discurso, ele citou Cora Coralina: 'Procuro semear otimismo'.

Do G1 Goiás
Após a posse, Marconi seguiu a pé até o Palácio das Esmeraldas (Foto: Fernanda Borges/G1)

Reeleito para o 4º mandato, o governador Marconi Perillo (PSDB) tomou posse às 11h10 desta desta quinta-feira (1º), em Goiânia. A solenidade, que aconteceu na Assembleia Legislativa de Goiás, reuniu cerca de mil pessoas, entre autoridades, políticos e convidados.

Ao chegar à Assembleia às 10h30, acompanhado na primeira-dama Valéria Perillo e pelas filhas Isabela e Ana Luísa, o governador concedeu entrevista coletiva destacando o desenvolvimento do estado ao longo dos últimos anos. "Goiás tem hoje um projeto que é respeitado e reconhecido em todo o país", destacou.

Antes da posse, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Hélio de Sousa (DEM), fez um pronunciamento e ressaltou as qualidades da trajetória política do governador. "Goiás hoje dá mais um passo para o futuro. Mais um passo para continuar em um ciclo de modernidade", afirmou.

Em seguida, Marconi entregou a relação dos bens e foi lido o juramento. O governador assinou o documento de posse e agradeceu ao povo goiano pela conquista.

Depois, foi a vez do vice-governador, José Elliton (DEM), ser empossado. Ele também entregou a relação dos seus bens, ouviu o juramento e assinou o documento de posse.

Discurso
O discurso do tucano, de 30 minutos, começou por volta das 11h30 citando um poema da escritora goiana Cora Coralina. "Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende. Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir", disse o governador.

Ele ressaltou que sua trajetória foi marcada por grandes conquistas para o estado e lembrou o primeiro mandato. "Em janeiro de 1999, fui empossado pela primeira vez e senti uma emoção imensa. Três mandatos depois o sentimento continua, pois conseguimos implantar a mudança no estado", completou Marconi.

O governador também ressaltou o desenvolvimento econômico de Goiás. "Hoje compareço para assumir o Governo de Goiás pela quarta vez, com uma direção mestra a seguir: avançar nas conquistas internas e continuar trabalhando para que Goiás alcance um protagonismo ainda maior no cenário nacional".

Ao final do discurso, ele se emocionou, agradeceu a esposa, Valéria Perillo, a quem chamou de "o amor da vida", e aos goianos de todo o estado que confiaram nele o voto para "mais uma jornada".

Em seguida, os presentes fizeram uma oração. Marconi Perillo, então, seguiu a pé até o Palácio das Esmeraldas, sede do governo, fazendo um trajeto de cerca de 700 metros. Ao chegar à Praça Cívica, o governador assistiu a um desfile militar e passou em revista à tropa. No local, ele fez um pronunciamento e disse que, ao contrário do previsto, só irá anunciar seu novo secretariado às 16h, por meio de nota.

Ainda nesta tarde, o tucano irá para Brasília, onde acompanhará a posse da presidente reeleita Dilma Rousseff (PT), prevista para começar por volta das 15h.

Eleição
Nas últimas eleições, Marconi obteve 57,44% dos votos válidos, ou 1.750.977 votos, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele derrotou seu principal oponente, Iris Rezende (PMDB), que obteve 1.297.592 votos.

Marconi já assumiu o cargo no estado nos anos de 1998, 2002 e 2010. A vitória no último pleito o fez entrar para a história de Goiás e do país como o político que mais venceu eleições, por voto popular, para governar um estado. Segundo ele, essa é uma “grande responsabilidade”.

O governador foi diplomado Tribunal Regional Eleitoral em Goiás (TRE-GO) no último dia 19. O evento foi realizado no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Goiás (UFG), no campus Samambaia, em Goiânia.

Ao receber o diploma das mãos do desembargador Walter Lemes, ele agradeceu aos eleitores pela confiança depositada nele. “Quero reafirmar meu compromisso de trabalhar incansavelmente para que Goiás se insira cada vez mais no cenário nacional como um estado próspero, desenvolvido e com justiça social e oportunidades para todos”, disse na cerimônia.

Além do governador, na ocasião, também foram diplomados o vice-governador José Elliton (DEM), o senador Ronaldo Caiado (DEM), além dos 17 deputados federais e 41 deputados estaduais eleitos nas últimas eleições.

Trajetória
Marconi Perillo nasceu no dia 7 de março de 1963, em Goiânia. Ainda na infância mudou com a família para Palmeiras de Goiás, onde viveu até os 15 anos, quando retornou para a capital. Ele se formou como bacharel em direito e ingressou na carreira política como discípulo do ex-governador Henrique Santillo, de quem foi assessor especial.

O governador obteve seu primeiro mandato político em 1990, elegendo-se deputado estadual, ainda pelo PMDB. Quatro anos mais tarde, foi eleito para a Câmara Federal. Em 1998, já no PSDB, se elegeu governador e foi reeleito em 2002. Em 2006, conseguiu se eleger senador. Voltou a ser eleito para governador em 2010 e, agora, conseguiu a reeleição.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp