14/04/2015 às 10h37min - Atualizada em 14/04/2015 às 10h37min

Dra. Jamile fala sobre o Pompoarismo e os benefícios para a saúde das mulheres

Jotta Oliveira - Piranhas
Tribuna Piranhense
Dra. Maria Jamile, ginecologista (Foto: Arquivo pessoal)

A incontinência urinária, problema mais comum em mulheres, principalmente nas que tem acima de 60 anos, ocorre com muita frequência e precisa ser tratada por um especialista para evitar maiores complicações. Isso é o que afirma a médica Maria Jamile Ribeiro Duarte Nogueira, ginecologista que atua nas cidades de Piranhas, Arenópolis e Bom Jardim de Goiás.

De acordo com Maria Jamile, os pacientes com incontinência urinária apresentam perda de urina ao tossir, espirrar, sorrir, pegar peso, e, no caso da incontinência urinária de urgência, que é mais grave, a pessoa sente a vontade súbita de urinar a ponto de não dar tempo de chegar ao banheiro.

A médica lembra que as causas podem estar relacionadas com a queda de bexiga, obesidade, histerectomia (retirada do útero), gravidez, infecção urinária, distúrbios neurológicos e outros. “O tratamento, na maioria das vezes, é cirúrgico, mas a ginástica íntima, conhecida como pompoar (pompoarismo) pode ajudar a reforçar a musculatura do assoalho pélvico e ajudar a diminuir e até acabar com o problema”, explica Maria Jamile.

“Como médica atendendo há quase 30 anos, já tive bons resultados com pacientes que seguem regularmente as orientações para a prática desses exercícios. Existem outras formas de se praticar o pompoar. É importante a dedicação da paciente na prática desses exercícios para obter bons resultados. Todas as mulheres podem e devem praticar esses exercícios. Quanto mais cedo começarem, melhores serão os resultados. Com um mês de exercícios a mulher já percebe a diferença em sua musculatura”, conta a ginecologista.

Maria Jamile destaca que os exercícios do pompoarismo são orientados pelos profissionais de saúde, como médicos e fisioterapeutas, pelos benefícios que eles proporcionam as pacientes, como:

- Fortalecimento da região pélvica

- Evita cirurgia de períneo

- Previne e controla a incontinência urinária

- Evita queda de útero e bexiga

- Recupera e mantém a lubrificação vaginal na menopausa

- Proporciona e sente mais prazer sexual

-Desperta a libido (desejo).

Enfim, a mulher fica mais segura de se.

É bom lembrar que qualquer dúvida sobre a incontinência urinária pode ser tratada com um ginecologista de sua confiança. O profissional poderá orientar, com detalhes, como está sua musculatura da região perineal durante o exame ginecológico.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://tribunapiranhense.com/.
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp