04/05/2015 às 08h29min - Atualizada em 04/05/2015 às 08h29min

Quase 59 mil pessoas podem ter o título de eleitor cancelado em Goiás

Quem não votou nas últimas três eleições precisa regularizar documento. Prazo termina na segunda-feira (4); veja lista de eleitores com problemas.

Do G1 Goiás
regularizar (Foto: Nelson Jr./ASICS/TSE/Divulgação)

Levantamento feito pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO) mostra que 58.818 mil eleitores do estado podem ter o título cancelado caso não o regularizem até a próxima segunda-feira (4). Teve seu nome incluído na lista (acesse aqui) quem deixou de votar nas últimas três eleições, sendo que cada turno é considerado um pleito.

Para acertar a situação, é preciso procurar qualquer cartório eleitoral portando documento oficial com foto e comprovante de residência. Além disso, é cobrada multa de R$ 3,50 por turno em que o eleitor deixou de votar.

O número de pessoas que já regularizaram sua situação até a última segunda-feira (27) era de 2,4%. Apesar de parecer pouco, o número está idêntico à média nacional estimada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Quem estiver com o título cancelado está sujeito a perder vários benefícios como, por exemplo, se inscrever em concurso público, obter empréstimos em instituição bancária pública e obter documentos como passaporte, identidade e Cadastro de Pessoa Física (CPF).


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale conosco pelo Whatsapp
Fale com o Tribuna Piranhense
Fale conosco pelo Whatsapp